- Publicidade -

Dando início à programação especial referente ao aniversário de Minas Gerais, que celebra 300 anos nesta quarta-feira, 2, a equipe do “Museu Mariano Procópio” elaborou uma série de conteúdos e atividades para o mês. Um dos itens do acervo que marcou gerações em visitas ao espaço de memória, o quadro “Tiradentes esquartejado ou supliciado”, de Pedro Américo (1843-1905), será apresentado em vídeo pela historiadora Rosane Carmanini Ferraz, que trará informações sobre a tela, como chegou ao museu, e fará leitura semiótica da obra, baseada na pesquisa realizada pela professora da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Maraliz Christo.

No dia 7, a pedido de uma instituição pública de ensino, o museu fará uma transmissão ao vivo (live) direcionada a alunos de 11 a 17 anos, na Villa Ferreira Lage. Os mediadores do museu apresentarão o castelinho, de acordo com o conteúdo trabalhado em sala de aula pelos professores. O acervo fotográfico disponibilizará, nas redes sociais do museu, uma exposição virtual com cartões-postais de algumas cidades do estado. Os itens fazem parte da coleção “Viscondessa de Cavalcanti” (1852 – 1946) e do acervo do ex-diretor e conselheiro do museu, Arthur Arcuri”.

Durante o mês, serão apresentados itens no projeto “A peça da semana”, objetos em referência a Minas Gerais, com fatos históricos e personagens. Será transmitida a live: “Carriço, o importante cineasta mineiro”, seguida de vídeo sobre o inventário da coleção de documentos textuais da Carriço Film. Finalizando a programação, um vídeo sobre o conceito de “mineiridade” e seu processo de construção, a partir de autores clássicos da historiografia e literatura brasileira.

Foto: Vinícius Ribeiro

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui